SPC Dickens Light Pro - Uma boa alternativa econômica [Análise]

O SPC ainda é apenas mais um player neste mercado de e-books que parece estar sendo consumido pela Amazon e Kobo agora que a BQ está completamente fora de cogitação. Por esta razão, a SPC decidiu preencher a lacuna deixada pela marca espanhola, querendo oferecer produtos que rivalizem diretamente em termos de custo-benefício com os concorrentes.

Damos uma olhada em profundidade no novo SPC Dickens Light Pro, uma alternativa de baixo custo com vários recursos de gamas mais sofisticadas. Desta forma, o SPC bate à porta dos usuários de livros eletrônicos para lembrá-los de que ainda existem alternativas além das usuais, a gente analisa para que você conheça.

Materiais e design

Em termos de materiais, este SPC Dickens Light Pro não está longe das alternativas oferecidas pela Amazon, por exemplo, temos acabamentos em plástico preto mate que neste caso evitam facilmente as impressões digitais, algo que gostamos, pois não temos com que nos preocupar. estar continuamente limpando o dispositivo. Por isso, na parte traseira possui uma série de microperfurações que auxiliam tanto na pega quanto na limpeza do aparelho, algo que já mencionamos antes. 

  • dimensões: 169 x 113 x 9 milímetros
  • Peso: 191 gramas

Temos um quadro inferior notável, nele está o botão central que nos leva diretamente ao menu iniciar da interface do usuário e que honestamente, tendo em conta que o painel é touch, não parece muito necessário. Já na parte inferior está o botão «power», que, por outro lado, é bastante pequeno, uma decisão de design que acho difícil parar. À esquerda do botão «power», encontramos um slot para cartões microSD e, finalmente, a porta de carregamento microUSB. Não cita, porém, nenhum tipo de resistência à água ou respingos, algo típico dos produtos dessa faixa. Caso contrário, um produto compacto e leve.

Memória e conectividade básica

Parte de 8 GB de memória interna deste SPC Dickens Light Pro, mais do que suficiente para o usuário padrão, mas devemos lembrar que podemos expandir essa memória, bem como interagir com o conteúdo do eReader, através de sua porta de cartão microSD. Apesar disso, modificar o conteúdo não é tão simples como é através da porta microUSB que nos permite dispensar qualquer tipo de software, basta arrastar os nossos livros para a memória interna e eles serão exibidos no livro.

  • Formatos suportados: EPUB, PDF, JPG, PNG, GIF, TXT, RTF, FB2, MOBI, CHM, DOC.

Nesse aspecto, não temos problemas, pois podemos até visualizar PDFs como texto simples para interagir facilmente com ele. Nesta seção o SPC Dickens Light Pro é bem trabalhado devido à ausência de programas tediosos ou limitações para quem quer apenas perder alguns minutos introduzindo seus livros no livro eletrônico e começar a ler. algo para ser grato neste momento.

Display e interface do usuário

Temos um painel de tinta eletrônica (presumivelmente feito pela Amazon) com uma taxa de atualização estável e justa com o Kindle e Kobo pelo mesmo preço. Por sua vez, possui uma luz com seis níveis de intensidade que é suficiente ao mesmo tempo para que possamos até ajustar o calor desta iluminação, uma funcionalidade que cada vez mais dispositivos eReaders estão adicionando em um caminho claro marcado pela Kobo anteriormente.

  • resolução: 1024 x 758 pixéis
  • Densidade: Cerca de 300 pixels por polegada

A interface do usuário Isso nos permitirá ajustar diferentes níveis de tamanho da fonte, bem como ampliar os PDFs, ajustar as páginas, aproveitar o dicionário e, claro, ler na vertical ou na horizontal a pedido do usuário.

  • Gerenciamento de biblioteca por pastas
  • Histórico de arquivo decente
  • Pesquisa e marcação no texto

Quanto a esta interface de usuário, sem ser tão elaborada quanto a concorrência, este SPC Dickens Light Pro não carece das funções principais.

Autonomia

Este SPC Dickens Light Pro tem um bateria de 1.500 mAh cujo maior defeito é justamente a carga por meio de um porta microUSB, Um ponto negativo considerando o recente lançamento do produto e o fato de o USB-C já ser um padrão da indústria. No entanto, pouco mais de duas horas para uma carga completa e até 30 dias de autonomia dependendo do uso, intensidade da luz e configurações. Nesse sentido, os 20 dias de autonomia são conquistados com facilidade soberana. Não temos, por motivos óbvios, nenhum tipo de carregamento sem fio e o adaptador de força não está incluso no pacote.

Uma capa "gratuita", uma boa opção

Muitas vezes com os eReaders acontece conosco como nos celulares, temos que comprar capas, principalmente quando esses eReaders vão estar acostumados a andar na rua, principalmente para proteger a tela. Sempre recomendo que você não compre a capa se for ler só em casa, mas se for retirá-la é quase obrigatório.

Neste ponto, o SPC Dickens Light Pro inclui um case rígido na parte de trás que parece uma luva, acompanhado por uma capa magnetizada de couro simile de muito sucesso, que mal influencia o peso do dispositivo e é bastante confortável. Mais marcas devem considerar incluir essas pequenas tampas, cujo custo de fabricação deve ser mínimo, com a embalagem do produto para criar uma experiência completa que nos permita, como é o caso deste SPC Dickens Light Pro, desfrutar diretamente do dispositivo sem a necessidade de fazer mais compras.

Opinião do editor

Neste ponto nos deparamos com o SPC Dickens Light Pro, um aparelho que geralmente tem pouco estoque online (imaginamos isso devido a um grande número de vendas) e que é oferecido a um preço de 129,90 euros no site oficial do SPC com frete grátis incluído. Onde eles têm estoque é na Amazon oferecendo um preço em torno de 115,00 euros, então recomendamos que você opte claramente por este ponto de venda.

Se quiser fugir do habitual e terminar a experiência com a sua capa incluída, dispõe de todas as funcionalidades do mid-range, acrescentando uma interface de utilizador leve e a possibilidade de gerir a sua biblioteca sem limitações a um preço de mercado.

Dickens Light Pro
  • Avaliação do editor
  • Avaliação de 4 estrelas
129,90
  • 80%

  • Tela
    Editora: 80%
  • Portabilidade (tamanho / peso)
    Editora: 80%
  • armazenamento
    Editora: 70%
  • Vida da bateria
    Editora: 80%
  • iluminação
    Editora: 85%
  • Formatos Suportados
    Editora: 95%
  • conectividade
    Editora: 80%
  • Preço
    Editora: 80%
  • Usabilidade
    Editora: 90%
  • Ecossistema
    Editora: 75%

Prós e contras

Prós

  • Capa incluída
  • Fácil de usar com a biblioteca
  • Boas características gerais

Contras

  • O posicionamento do botão me intriga
  • Acabamentos improváveis

O conteúdo do artigo segue nossos princípios de Ética editorial. Para relatar um erro, clique Clique aqui.

Seja o primeiro a comentar

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

*

  1. Responsável pelos dados: Miguel Ángel Gatón
  2. Finalidade dos dados: Controle de SPAM, gerenciamento de comentários.
  3. Legitimação: Seu consentimento
  4. Comunicação de dados: Os dados não serão comunicados a terceiros, exceto por obrigação legal.
  5. Armazenamento de dados: banco de dados hospedado pela Occentus Networks (UE)
  6. Direitos: A qualquer momento você pode limitar, recuperar e excluir suas informações.